Programação de julho do Circuito Cultural UFMG com vários shows - Santa Tereza Tem
Logo

Programação de julho do Circuito Cultural UFMG com vários shows

Programação de julho lança uma nova série de shows virtuais gratuitos

A Diretoria de Ação Cultural da UFMG (DAC) inaugura na próxima quarta, 1° de julho, a nova temporada do Circuito Cultural UFMG #emcasa. Marquim D’Morais, Laura Sette, Sara Não Tem Nome, Roger Deff e Roda de versos das mulheres do Jequitinhonha são as atrações deste mês. Os shows participam da campanha de financiamento coletivo Colabore Hospitais UFMG e estreiam toda quarta-feira, às 19h, no www.youtube.com/culturaufmg.

Marquim D’Morais – Foto: Frank Bitencourt

Quem abre o projeto é Marquim D’Morais, com a apresentação virtual Beleza no Caos. Além de músicas do seu primeiro disco, Do Alto do Morro, o artista apresenta canções inéditas, que farão parte do seu próximo álbum. O trabalho do jovem músico, nascido e criado no Aglomerado da Serra, é marcado pela pluralidade cultural presente na favela. Suas composições abordam narrativas de cunho social, fazendo uma junção de ritmos, como rap, soul, reggae, baião, maracatu e capoeira.

A fusão de ritmos continua no dia 8, com o pocket show de Laura Sette. Original, a artista vai do funk ao rap, passando pelo R’n’B e trap. No dia 15, é a vez de Sara Não Tem Nome, que recém lançou a música Agora, inspirada no período de isolamento durante a pandemia. Já a periferia, o centro urbano e o hip hop são as inspirações do jornalista e rapper Roger Deff, que se apresenta no dia 22. Encerrando a programação de julho, mulheres de sete comunidades do Vale do Jequitinhonha “jogam versos” de poemas, mesclando autoria e domínio público, na Roda de versos das mulheres do Jequitinhonha.

Colabore Hospitais UFMG
Desenvolvida pela Universidade em parceria com a Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep) e o Instituto dos Advogados de Minas Gerais (IAMG), a campanha visa arrecadar verba para o enfrentamento à pandemia nos hospitais gerenciados pela UFMG. O volume arrecadado é destinado à aquisição de medicamentos, insumos, equipamentos de proteção individual e a contratação de serviços necessários ao atendimento de pessoas diagnosticadas com Covid-19, demais síndromes respiratórias agudas e outras emergências.

Os interessados em contribuir podem transferir qualquer valor para o Banco do Brasil (001), agência 1615-2, conta corrente 960.419-7 (CNPJ da Fundep: 18.720.938/0001-41). Também podem ser doados bens ou equipamentos; nesse caso, basta entrar em contato com a Diretoria de Cooperação Institucional da UFMG por meio dos telefones (31) 3409-4555 e (31) 99306-0348 ou do e-mail gab@copi.ufmg.br. Saiba mais sobre a campanha em www.colaborehospitaisufmg.com.

PROGRAMAÇÃO
1/7 – Beleza no Caos, de Marquim D’Morais
8/7 – Corpo, Alma e Consequência, de Laura Sette
15/7 – Sobrevivência dos vagalumes, de Sara Não Tem Nome
22/7 – Etnografia Suburbana, de Roger Deff
29/7 – Roda de versos das mulheres do Jequitinhonha

SERVIÇO
Circuito Cultural UFMG #emcasa
Estreia de pocket shows toda quarta, às 19h
www.youtube.com/culturaufmg

Anúncios