Na Marca da Cal no Cine Santa Tereza - Santa Tereza Tem
Logo

Na Marca da Cal no Cine Santa Tereza

Neste sábado, dia 15, 16h, no MIS Cine Santa Tereza, será lançado o filme Na marca da cal”, um documentário que apresenta a realidade dos árbitros de várzea em Belo Horizonte e região metropolitana, os maiores desafios e as inspirações para seguir essa carreira repleta de obstáculos.

A obra foi aprovada em 3º lugar pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura da Prefeitura de Belo Horizonte, categoria audiovisual.

Sobre o filme

“Na marca da cal” conta histórias inspiradoras de pessoas com o sonho de apitar jogos profissionais, produzido pelo relações públicas e mestre em comunicação social Fábio César Marcelino. É uma produção sobre as relações e motivações dos árbitros da Federação Mineira de Futebol com o futebol amador.

Fábio César Marcelino tinha o hábito jogar futebol de várzea, quando resolveu transformar paixão e lazer em profissão. Intrigado com as situações vividas pelos árbitros de futebol dos campos de terra batida de Belo Horizonte e região metropolitana, teve a ideia de produzir um documentário sobre a realidade desses profissionais.

O título do documentário “Na marca da cal” foi inspirado em uma situação tensa e decisiva em que os árbitros no futebol de várzea marcam o campo com cal na hora do pênalti. “É uma relação de autoridade para tomada de decisão que agrada alguns e desagrada outros”, observa o autor.

Em 22 minutos o filme apresenta os maiores desafios e as inspirações para seguir essa carreira repleta de obstáculos. Cerca de 375 árbitros, homens e mulheres do quadro da Federação Mineira de Futebol, apitando jogos nos campos da capital e região, sonham atuar em partidas profissionais e vivem situações de pressão, ausência de estrutura e violência física e psicológica que, muitas vezes, estimulam o abandono da carreira.

O documentarista e sua equipe percorreram vários campos em bairros como Cachoeirinha, Jardim Inconfidência, Venda Nova e Santa Lúcia, acompanhando o cotidiano dos jogos e treinamentos para aprofundamento em histórias sobre o processo de formação do árbitro da Federação Mineira de Futebol.

A obra ainda envolve o universo feminino nos campos e os casos de agressão e superação vividos pelos 26 entrevistados.
Segundo Marcelino, “a proposta é apresentar um pouco mais do cotidiano do árbitro do futebol de várzea, esporte genuinamente periférico e voltado para o social e lazer comunitário. Registramos diversas situações de persistência e resiliência que permitem entender melhor a realidade deles e onde chegaram”, afirma.

.

Sobre Fábio César Marcelino

Ele nasceu em Belo Horizonte e se graduou em Relações Públicas, sendo Mestre em Comunicação Social pela PUC Minas.

Atua como editor chefe e repórter do portal Várzea BH, site especializado em informações e coberturas esportivas de campeonatos de futebol amador de Belo Horizonte e região metropolitana.

Ele alimenta o site e também produz conteúdo para as redes sociais da página, como Twitter, Facebook e Instagram. Também é autor do documentário “Futebol e Sonhos”, resultado do projeto “Horizontes Periféricos”.

SERVIÇO- Lançamento do documentário “Na marca da cal”
Autor: Fábio César Marcelino
Data: 15 de fevereiro
Horário: 16h
Local: Mis Cine Santa Tereza – Rua Estrela do Sul, 89, bairro Santa Tereza
Entrada Gratuita

Anúncios