Logo

Projeto Ex TrE Ma reúne artistas e bandas

Projeto Ex TrE Ma reúne artistas e bandas de diferentes linguagens

Noise, música experimental, metal extremo, performance, instalação, vídeo e dança. A 2ª edição do Ex TrE Ma, projeto que busca gerar cruzamentos de linguagens artísticas, será realizado no dia 13 de outubro, em Belo Horizonte. Marcado pela independência, a marginalidade e a resistência, o evento acontecerá das 14h de sábado às 01h de domingo, na Rua Aarão Reis, no espaço que abrigou o antigo Nelson Bordello e o Baixo Centro.

A ideia surgiu em 2016 quando o produtor de shows Felipe Lopes e a artista plástica Carolina Botura idealizaram a 1ª edição do Ex TrE Ma, uma residência artística que culminou em um festival de música com ares de movimento político e que reuniu 13 bandas e proposições de 21 artistas dos mais diversos segmentos artísticos em uma fábrica ocupada no centro da capital mineira, na avenida dos Andradas.

Este ano o festival Ex TrE Ma é realizado por integrantes do coletivo Vespa Víbice, via de experimento em performance e ação que envolve diversos artistas entre acionistas, músicos, performers, dançarinos, fotógrafos, pintores e videomakers; e o Música Insólita, grupo público concebido para coligir e apinhar trabalhos, lançamentos, instalações, indicações e eventos musicais dos mais variados estilos como ruído, industrial, música concreta, eletrônica de potência, free jazz, acusmática, atonal, binaural, entre outros, além do experimento e improviso eletrônico ou eletroacústico de artistas e selos do Brasil.

Entre os artistas plásticos desta edição estão Arthur Camargos, Carolina Botura, Érica Fonseca, Janaina Lages, Gustavo Assis, Julia Baumfeld, Luiz Carlos Oliveira, Mariana Rocha, Pedro R. Moreira, X y z, e Zos Kipple. A música ficará por conta das bandas Expurgo (grindcore), a italiana Fukte (harsh noise), Scalped (death metal), Epilepsia (noise), Ignorance (death metal), Vespa* (ópera trash), Rastros De Ódio (punk, death, trash e grind) Pustema (experimental), Iron Trash (black e death metal), FLX – 844 (noise), Renegados (death e trash metal) e PMNT (harsh noise).

O evento tem como proposta retirar as artes plásticas das galerias e levá-las para o público do metal e do punk, proporcionando a interseção entre as diferentes linguagens. “Propomos a exploração dos extremos não como extremismo, não como isolamento em bolhas cognitivas ausentes de diálogo, mas como experimentalismo, extrapolação de limites, contraste como princípio aglutinador, fragmentação como ilusão e ruído como estética. Como desenhar uma transversal entre fluxos tão distantes? Por meio do estranhamento e do espaço que separa e opõe, há um eixo comum pela fresta, um ponto de dispersão que aponta para fora e adentro, uma voragem extrema”, diz Felipe Lopes, um dos articuladores do evento ao lado de Carolina Botura e Fabiano Pimenta.

SERVIÇO

2ª edição do projeto Ex TrE Ma
Data: 13 de outubro/2018
Horário: das 14h de sábado às 01h de domingo
Local: Rua Aarão Reis, 554 (Antigo Nelson Bordello e o Baixo Centro) – Belo Horizonte/MG
Ingressos: R$ 7,00

Anúncios