Logo

Bate papo com o escritor Mia Couto

Bate papo com o escritor Mia Couto e lançamento de seu livro O bebedor de horizontes

No dia 12 de abril, das 19h30 às 21h, a Casa Fiat de Cultura apresenta bate-papo com Mia Couto, reconhecido escritor moçambicano que tem conquistado leitores de vários países, ao exercitar, por meio da lapidação da palavra, a arte de (re)encantar o mundo. Ao abordar o tema “Políticas da memória no tempo presente”, Mia conversará com o público sobre a embriaguez advinda das conquistas da moderna tecnologia. “Acreditamos viver num mundo que virou definitivamente as costas a um passado escuro e degradante. Obcecados com a ideia do progresso, não sabemos ver quanto das manifestações mais retrógradas desse tempo, que acreditamos estar enterrado no passado, assim persistem em nossa conturbada atualidade”, comenta o autor. A entrada para o evento é gratuita, com espaço sujeito a lotação (200 lugares). A distribuição de senhas será feita a partir das 18h30. Além de conversar com o público, Mia Couto apresentará seu mais recente livro, O bebedor de Horizontes, volume que encerra a trilogia histórica As areias do imperador, e no qual o escritor retrata a saga final do imperador moçambicano Gugunhana, derradeiro grande governante de um império na África no século XIX. Após o bate-papo, será realizada sessão de autógrafos. O livro estará à venda, na Casa Fiat de Cultura, a R$ 49,90. Os livros que compõem a trilogia são Mulheres de cinza (2015), A espada e a azagaia (2016), e, agora, O bebedor de horizontes (2018), todos lançados pela editora Companhia das Letras. O encontro com o escritor Mia Couto é uma realização da Casa Fiat de Cultura e do Ministério da Cultura, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, em parceria com a Fundação Torino Escola Internacional, com o apoio de Fiat Chrysler Automobiles, Banco Fidis, Fiat Chrysler Finanças, Fiat Chrysler Participações, Banco Safra, Circuito Liberdade, Instituto Estadual do Patrimônio Histórico (Iepha), Governo de Minas e Governo Federal. Mia Couto Mia Couto nasceu em 1955, na Beira, em Moçambique. É biólogo, jornalista e autor de mais de 30 livros, da prosa à poesia. Recebeu uma série de condecorações literárias, entre os quais, o Prêmio Camões de 2013, o mais prestigioso da língua portuguesa, e o Neustadt Prize de 2014. É membro correspondente da Academia Brasileira de Letras. O livro O bebedor de Horizontes O volume que encerra a trilogia histórica de Mia Couto acompanha o fim da epopeia de captura do imperador Gugunhana pelos portugueses. O escritor conclui sua fascinante trilogia com o romance histórico O bebedor de horizontes, que retrata a saga final do imperador moçambicano Gugunhana. Neste último volume da trilogia, os prisioneiros do oficial Mouzinho de Albuquerque embarcam no cais de Zimakaze, em um barco que parte em direção ao posto de Languene. De lá, seguirão ao estuário do Limpopo, para, então, iniciar a viagem marítima que conduzirá os africanos capturados a um distante e eterno exílio, em uma das ilhas dos Açores. Com a comitiva, segue Imani Nsambe, jovem negra que estudou numa missão católica e serve como intérprete entre os nativos e as autoridades portuguesas. Imani está grávida do sargento português Germano de Melo, alocado em outra parte de Moçambique. A tradutora narra os trágicos acontecimentos do final do império de Gaza, que se alternam no romance com as cartas do sargento. Casa Fiat de Cultura Há 12 anos, a Casa Fiat de Cultura cumpre importante papel na transformação do cenário cultural mineiro, ao apresentar mais de 40 exposições de renomados artistas brasileiros e internacionais, além de mostras de artistas que despontam na cena contemporânea, cursos, seminários, bate-papos e lançamentos de livros. Cerca de 2,5 milhões de pessoas já visitaram a Casa Fiat de Cultura, que integra o Circuito Liberdade de Belo Horizonte, e mais de 350 mil pessoas participaram das atividades educativas. SERVIÇO Mia Couto na Casa Fiat de Cultura Data: 12 de abril Local: Casa Fiat de Cultura Horário: 19h30 às 21h Entrada gratuita, com espaço sujeito à lotação (200 lugares) Distribuição de senhas a partir de 18h30 Palestra: Políticas da Memória no Tempo Presente Lançamento do livro O bebedor de horizontes Páginas: 328 Preço: R$ 49,90 e-book: R$ 34,90 Casa Fiat de Cultura Praça da Liberdade, 10, Funcionários – BH/MG Horário de funcionamento: terça a sexta, das 10h às 21h; sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h Informações: (31) 3289-8900 www.casafiatdecultura.com.br casafiat@casafiat.com.br facebook.com.br/casafiatdecultura Instagram:@casafiatdecultura Twitter: @casafiat www.circuitoculturalliberdade.com.br

Anúncios