Logo

Festa do Senegal

Festa do Senegal comemora a independência do país africano

Após três séculos de colonização, o Senegal, país da África do oeste tornou-se independente da França no dia 04 de abril de 1960. Para comemorar os 58º aniversário da independência, no dia 7 de abril, a comunidade senegalesa de Belo Horizonte promove uma festa com música africana no Soleá Tablado. A festa terá como atrações musicais os senegaleses MAMOUR BA acompanhado de sua banda (Conexão African Beat), que é pioneiro na fusão dos ritmos africanos aos variados estilos musicais e OUMAR NDIAYE, recém-chegado no Brasil, trazendo as músicas tradicionais do Senegal. A gastronomia senegalesa também fara parte do cardápio da festa, onde o público poderá saborear um dos pratos tradicionais, o Yassa e o delicioso suco de Bissap. Sobre Mamour Ba  Cantor, compositor, multiinstrumentista, pesquisador musical. Focado inicialmente na música de raiz, Mamour e banda ficaram conhecidos pelo groove forte e harmonioso, repleto de diálogos e improvisos no qual os tambores ganharam uma visão mais ampla, mudando o conceito de “batucar” para “tocar consciente”. A interpretação de  ritmos clássicos como sonsonet, songba, kavachá, sabar, entre outros, levam ao público longas rodas de danças e cantos. Novas pesquisas levaram à introdução das batidas eletrônicas, uma fusão entre a base rítmica africana, instrumentos atípicos e efeitos eletrônicos. Com mais de 100 ritmos criados, as apresentações são marcadas pela pulsação forte, constante, um mantra rítmico, no qual o público se deslumbra pela música eletrônica executada ao vivo por instrumentos que jamais imaginariam ser capazes de tal “poder”. Mamour Ba (voz/guitarra), seus filhos Deynaba (teclado) e Cheikh (bateria), Zé Gabriel (sabar e congas) Lucilene (voz/xequerê) e Aziz (tabalá), a banda destaca participações no Festival de Arte Negra (2007, 2009 e 2012), XVII Festival Petroneo Alvarez em Cali/Colombia (2013), Virada Cultural de Belo Horizonte (2013), show no Museu Casa Brasileira em São Paulo (2015), projeto cultural Ensaio Aberto nos Parques (desde  2008) e participação no carnaval de Belo Horizonte (desde 2014). Atualmente em fase final do segundo CD. Oumar Ndiaye É cantor, compositor, guitarrista. Sua música entrelaça estilos africanos como o wolof, sereer, rythms, mandika e mbalax com soul, rock, latin jazz. Com um trabalho autoral suas musicas falam de amor, esperança, direitos das mulheres e crianças e o neocolonianismo. Já excursou pela Europa, Estados Unidos e Canadá. Já lançou 06 discos. Em 2008 estabeleceu no Canadá Em 2009 e 2010 recebeu o prêm   io “Syli d’argent – Música do Mundo”. Organizado pelo popular festival “Nortes na África”. Atualmente trabalha com o renomado guitarrista americano Smokey Hormel. No Brasil, em São Paulo onde agora inicia nova etapa com músicos brasileiros onde nos dá a oportunidade de conhecer suas amalgama de ritmos e gêneros que o mesmo prefere denominar “African Feeling Soud”. Serviço Festa senegalesa Local: Soleá Tablao Flamenco – Rua Sergipe, 1199 – Savassi. Data: Dia 07 de abril – 21:00 horas Ingressos: Antecipado: R$25,00 / No local: R$30,00 On-line: sympla.com.br

Anúncios